http://www.fides.org

News

2013-09-13

ÁSIA/CAZAQUISTÃO - Visita do Cardeal Sandri e nova igreja católica: para os bispos é “um incentivo para a fé”

Karaganda (Agência Fides) – A visita ao Cazaquistão do Cardeal Leonardo Sandri, Prefeito da Congregação para as Igrejas Orientais, que teve início hoje, “é um incentivo forte para a fé de todos nós, um evento significativo para a pequena comunidade católica que vive numa nação de maioria muçulmana e é muito importante especialmente para os fiéis greco-católicos, que irão ver consagrada e inaugurada a nova igreja de São José em Astana”: com estas palavras o Bispo de Karaganda, Dom Janusz Kaleta, explica à Agência Fides o espírito com qual os bispos e toda a Igreja no Cazaquistão se preparam para acolher o Cardeal Sadri, que estará no país de 13 a 17 de setembro.
O motivo principal da visita, explica à Fides o bispo, é a consagração da nova Igreja greco-católica de São José de Astana, em 15 de setembro, “motivo de grande alegria para todos os fiéis católicos e um sinal bonito de crescimento para a Igreja local”. IO cardeal entregará o dom do Papa Francisco: um cálice e uma relíquia que será colocada no altar de São Josafá, Bispo e Mártir, Serão realizados encontros com o Cardeal com o Primeiro ministro do Cazaquistão, Karim Massimov, e com líderes religiosos islâmicos. Dentre os encontros com as autoridades civis, o com o vice-ministro das Relações Exteriores Alexei Volkov e com os responsáveis pelo Departamento governamental para os Assuntos Religiosos. Um dos temas na agenda será, segundo o bispo, “o da liberdade religiosa: temos perguntas e questões abertas, mas a nossa é uma experiência substancialmente positiva neste plano”. Existe um comportamento de cooperação com o governo e a construção de novas igrejas é um sinal positivo. Segundo a Fides, o Cardeal Sandri visitará também o Museu em memória das mulheres assassinadas pelo regime comunista em Akmol, e a visita se concluirá em Karaganda, onde o Prefeito se encontrará com as comunidades católicas locais, celebrará a missa na nova Catedral de Nossa Senhora de Fátima e visitará também o convento de clausura das Irmãs Carmelitas.
“Com o Cardeal – conclui o Bispo Kaleta – continuaremos a rezar pela paz e reconciliação no mundo e em particular pela Síria e Oriente Médio e pediremos uma bênção especial do Papa sobre todos os fiéis do Cazaquistão”. (PA) (Agência Fides 13/9/2013)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network