http://www.fides.org

News

2013-08-24

AMÉRICA/COSTA RICA – A violência contra menores é uma “epidemia” que continua a se alastrar

São José (Agência Fides) – Desde o início de 2013, na Costa Rica, no Hospital Nacional Pediátrico (HNN), foram assistidas 1.115 crianças que sofreram agressões físicas. Segundo dados difundidos pelo pólo de saúde, a situação é particularmente alarmante porque os casos de violência contra menores deste período correspondem à média anual: 1.500. A preocupação aumenta também porque as agressões são cada vez mais violentas: físicas, sexuais e psicológicas. Todavia, os números reais divulgados pelo Patronato Nacional da Infância (Pani) superam os do HNN. A cada ano, este organismo recebe mais de 13 mil denúncias. Em 2010, o próprio HNN definiu o fenômeno da violência contra menores como uma “epidemia” e assinalou que 74,2% dos adultos costarriquenhos maltratou verbalmente seus filhos e 65,3% os agrediu fisicamente. Além disso, 32% das mulheres e 13% dos homens adultos admitiram ter sofrido abusos sexuais durante a infância. (AP) (24/8/2013 Agência Fides)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network