http://www.fides.org

News

2013-09-06

ÁSIA/IRÃ – Iranianos de várias confissões: jejum e oração em solidariedade com o povo sírio

Teerã (Agência Fides) – Cidadãos iranianos em todo o mundo, seguidores do islã xiita, cristãos, cidadãos de fé bahai ou leigos, todos membros da organização “Iran Rights Watch”, vão jejuar amanhã, 7 de setembro, e rezarão, de forma privada, pela paz na Síria, sobretudo em solidariedade com o povo sírio: é o que refere a Fides o ativista iraniano Mahmood Amiry-Moghaddam, presidente da Ong “Iran Human Rights”, que promove os direitos humanos e a liberdade no Irã. A Ong, que reúne muitos iranianos na diáspora, “aprecia o simbólico gesto do Papa Francisco e se unirá para mostrar que apoiamos os direitos do povo sírio”, afirma o presidente. Reiterando “a preocupação pelo cenário sírio, por muito tempo abandonado a si mesmo pela comunidade internacional”, Mahmood Amiry-Moghaddam nota a Fides: “Depois de muitos crimes cometidos no país e do uso de armas químicas, não se pode permanecer indiferentes. Deve-se fazer algo para socorrer o povo sírio”.
“A guerra é uma aventura sem retorno – prossegue –, a comunidade internacional não pode ficar olhando passivamente o imane sofrimento do povo sírio. Todos concordamos com o Papa em afastar uma intervenção militar na Síria, mas são urgentes esforços por uma solução política concreta. Infelizmente, hoje, a Síria está no centro de pressões políticas cruzadas – nota – e a questão se tornou muito complicada”.
Referindo-se ao contexto iraniano, o líder da Ong afirma: “Não acredito que o novo presidente iraniano Rouhani possa de alguma maneira mudar a política externa da República islâmica, enquanto é o guia espiritual supremo a decidir a respeito”. (PA) (Agência Fides 6/9/2013)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network