http://www.fides.org

News

2013-09-02

VATICANO - “Que o grito da paz se erga alto”: o Papa convoca um dia de jejum e de oração pela paz na Síria, no Oriente Médio e no mundo inteiro

Cidade do Vaticano (Agência Fides) – “Queremos um mundo de paz, queremos ser homens e mulheres de paz, queremos que nesta nossa sociedade, dilacerada por divisões e por conflitos, possa irromper a paz; nunca mais a guerra! Nunca mais a guerra!”. São as fortes palavras pronunciadas pelo Papa Francisco no domingo, 1o de setembro, antes da oração do Angelus com os fiéis reunidos na Praça S. Pedro. O Santo Padre, que dedicou todo o seu discurso a este tema, “profundamente ferido por aquilo que está acontecendo na Síria, e angustiado pelos desenvolvimentos dramáticos que se preanunciam”, renovou com veemência o seu apelo às partes em conflito, pedindo a elas “que escutem a voz da sua consciência, que não se fechem nos próprios interesses, mas que olhem para o outro como um irmão e que assumam com coragem e decisão o caminho do encontro e da negociação”, e convocou para toda a Igreja, em 7 de setembro, vigília da festa da Natividade de Maria, Rainha da Paz, um dia de jejum e de oração pela paz na Síria, no Oriente Médio e no mundo inteiro, convidando a unirem-se a esta iniciativa “no modo que considerem mais oportuno, os irmãos cristãos não católicos, aqueles que pertencem a outras religiões e os homens de boa vontade”. Na Praça S. Pedro, das 19h às 24h, “nos reuniremos em oração e em espírito de penitência para invocar de Deus este grande dom para a amada nação síria e para todas as situações de conflito e de violência no mundo”, destacou o Santo Padre, convidando todos à participação. (SL) (Agência Fides 02/09/2013)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network