http://www.fides.org

News

2013-07-30

ÁSIA/JORDÂNIA - Proselitismo religioso nos campos de refugiados: a Igreja Católica se desassocia

Amã (Agência Fides) – Continua a discussão em torno da iniciativa de alguns cristãos ligados a grupos evangélicos que foram filmados enquanto distribuíam evangelhos e opúsculos de reflexão espiritual no campo de refugiados de Zaatari, maior local de acolhimento dos refugiados em fuga da guerra civil síria presente em território jordaniano. O filme, publicado na rede, continua suscitando polêmicas e provoca a dissociação por parte dos responsáveis pela Igreja Católica: “Não se pode distribuir víveres e aproveitar daquela situação para distribuir os evangelhos”, declara à Agência Fides o Arcebispo Maroun Lahham, Vigário patriarcal para a Jordânia do Patriarcado latino de Jerusalém. Segundo Dom Lahham, “daquele modo se instrumentalizam as iniciativas humanitárias para realizar formas de proselitismo que não tem nada a ver com as autênticas dinâmicas do testemunho cristão”. O campo de refugiados de Zaatari começou a funcionar exatamente um mês atrás, em 29 de julho de 2012, com 2 mil tendas capazes de abrigar 10 mil pessoas. Agora, na área do campo estão concentrados 120 mil refugiados, que representam para a população o quarto centro habitado de todo o Reino Hashemita. (GV) (Agência Fides 30/7/2013).

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network