http://www.fides.org

News

2013-06-21

AMÉRICA/URUGUAI – Convite da Igreja: votar para pedir um referendo contra o aborto

Montevidéu (Agência Fides) - A Igreja Católica no Uruguai convidou a população para participar no domingo, 23 de junho, da votação para decidir se fazer ou não um referendo contra a lei "injusta" que descrimina o aborto.
Os bispos uruguaios convidam a participar "deste ato cívico", que eles definem como "um esforço de homens e mulheres de boa vontade" para garantir que a lei uruguaia respeite o direito à vida humana desde a concepção. Os Bispos insistiram para que os direitos humanos e, em particular, o "direito à vida" não fique a sujeito a maiorias circunstanciais de um grupo legislativo ou eleitoral, embora reconhecendo que os cidadãos têm em suas mãos a escolha de meios que consideram necessários para mudar a legislação.
Uma nota enviada à Fides informa que em 23 de junho, 2,6 milhões de uruguaios, inscritos na lista eleitoral, serão chamados a participar de um "ato de adesão" voluntário, no qual se poderá votar sobre realizar ou não o referendo para revogar a lei do aborto, que entrou em vigor no final do ano passado.
Os bispos, em 3 de maio passado, numa carta pastoral (intitulada "La vida esta primero") propuseram usar o referendo para abolir a lei do aborto, uma iniciativa que foi saudada por vários políticos do país. (CE) (Agência Fides, 21/06/2013)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network