http://www.fides.org

News

2013-06-13

AMÉRICA/COLÔMBIA - “A saúde não pode se tornar um negócio”: apelo da Igreja pela reforma no sistema de saúde

Bogotá (Agência Fides) – O Cardeal colombiano Ruben Salazar Gomez dirigiu um premente apelo às autoridades do governo e ao Congresso para que a reforma do sistema de saúde, atualmente em debate, seja efetuada de modo digno, completo e transparente, para que traga mudanças reais em benefício da comunidade. “A saúde é vista como uma questão econômica, o único critério levado em consideração é o lucro. Perdeu-se completamente o sentido do direito das pessoas, que devem ser zelados e tutelados pelo Estado”, disse o Cardeal Salazar em um comunicado, enviado à Agência Fides.
O documento denuncia que os interesses econômicos particulares e a corrupção se tornaram um ‘câncer’ no sistema de saúde. O Cardeal auspicia que na reforma prevaleça “uma profunda transformação ética para colocar acima de tudo o interesse das pessoas, especialmente os mais pobres”. Na Colômbia, o serviço de saúde está em mãos de particulares e atribuí-lo ao Estado resulta dificilmente possível. Está em discussão um sistema misto, público/particular, que leve em consideração as possibilidades econômicas de todos os cidadãos. Entretanto, são os mais pobres apagar os grandes limites do atual sistema.
(CE) (Agência Fides, 13/06/2013)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network