http://www.fides.org

News

2013-04-09

ÁSIA/CHINA – O desaparecimento de Dom Tommaso Qian Yurong. Um homem de fé simples

Xuzhou (Agência Fides) – Em 22 de março passado, morreu em Xuzhou (Süchow), na província de Jiangsu (China Continental), Dom Tommaso Qian Yurong. Ele tinha 99 anos. Nasceu em 1914 em Tongshan de uma família de antiga tradição católica. Durante a guerra sino-japonesa, salvou um soldado gravemente ferido, transportando-o até uma igreja para curar suas feridas e cuidar dele até que estivesse restabelecido. Em 1945, se tornou sacerdote e em 15 de novembro de 1959 recebeu a ordenação episcopal. Durante a Revolução Cultural, foi condenado à reeducação através do trabalho e por 20 anos trabalhou numa indústria química.
Dom Qian é lembrado como um homem de fé simples, ativo no trabalho de formação de sacerdotes e religiosas, e no esforço de recuperar as propriedades da Igreja. Retirou-se do ministério pastoral já em 2011 por causa de suas precárias condições de saúde. Morreu por uma infecção pulmonar. O funeral teve lugar em 28 de março, Quinta-Feira Santa, na Catedral do Sagrado Coração de Jesus: a celebração foi presidida por Dom Giovanni Wang Renlei, Bispo de Xuzhou.
A diocese de Xuzhou, situada na parte setentrional da província de Jiangsu, conta agora cerca de 25.000 fiéis, 7 igrejas, uma dezena de sacerdotes e cerca de 20 religiosas. (Agência Fides 9/4/2013).

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network