http://www.fides.org

News

2013-03-16

AMÉRICA/CHILE - Reconhecido e premiado o trabalho da Igreja com as mulheres presas

Santiago (Agência Fides) – A Organização “Comunidade Mujer” seleciona, a cada ano, uma instituição ou pessoa a quem premiar pelo trabalho em favor das mulheres. Este ano, o prêmio reconheceu grupos que trabalham nos seguintes campos: apoio às mulheres presas, proteção de direitos humanos e combate à violência contra as mulheres.
No primeiro campo, o prêmio foi entregue a Nelly Leon, capelão da Pastoral das prisões do Centro Feminino de San Joaquin. Premiada por ser a criadora da Fundação "Mujer Levantate" (Levanta, mulher), que defende as mulheres presas em cárceres.
No campo dos direitos humanos e da violência contra as mulheres um prêmio foi atribuído à advogada Paulina Maturana Vivero. Foi também reconhecido o compromisso social da empresária de Antofagasta, Rosa Esther Salazar, proprietária de uma fábrica de roupas de proteção para os mineiros, que ofereceu trabalho a 100 mulheres no cárcere de Antofagasta.
(CE) (Agência Fides, 16/03/2013)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network