http://www.fides.org

Asia

2013-02-26

ÁSIA/CAMBOJA - Religiões unidas para recordar o genocídio dos khmer vermelhos

Phnom Penh (Agência Fides) – Cristãos budistas, muçulmanos e cambojanos se reuniram nos dias passados em Choeung Ek, o “campo de extermínio” da Camboja, para recordar e rezar pelos milhares de cambojanos inocentes executados sob o regime dos khmers vermelhos. A recordação das vítimas do genocídio fez parte da “Semana da Harmonia inter-religiosa”, caracterizada por vigílias de oração, encontros e debates. Na conclusão da semana, os líderes religiosos plantaram árvores dentro do campo de Choeung Ek.
Como informado à Fides pelos jesuítas na Camboja, participaram da celebração jovens cristãos, protestantes e católicos, muçulmanos e monges budistas, principalmente de Phnom Penh.
Foram plantadas cerca de 50 árvores de uma espécie chamada "Rumdul" (nome científico: Mitrella mesnyi), flor nacional da Camboja. A flor de Rumdul tem três pétalas e é amarelada. É conhecida por seu perfume, que se sente de longe. “O bom perfume da Rumdul acompanha, assim como nossas orações, nossos irmãos e irmãs cambojanos que morreram nos campos de extermínio de Choeung Ek” – disseram os presentes.
A idéia de uma Semana inter-religiosa na Camboja atende à iniciativa promovida pelas Nações Unidas da “Semana Mundial da Harmonia inter-religiosa”. (PA) (Agência Fides 26/2/2013)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network