http://www.fides.org

Africa

2013-02-08

ÁFRICA/TUNÍSIA - "Chokri Belaid lutou pelo direito de expressão de todos, até mesmo dos salafitas"

Túnis (Agência Fides)- "É um sinal muito importante o fato de que o lugar de pertença da procissão fúnebre de Chokri Belaid seja a Casa da Cultura", disse à Agência Fides Pe. Jawad Alamat, Diretor Nacional das Pontifícias Obras Missionárias da Tunísia, onde estão em andamento as exéquias de Chokri Belaid, expoente da oposição morte em 6 de fevereiro numa emboscada (veja Fides 6 e 7 fevereiro de 2013).
Pe. Jawad vê o sentido simbólico desta iniciativa. "Chokri Belaid era um homem de cultura e uma pessoa aberta para as opiniões diferentes da sua", disse o sacerdote. "Sob o regime de Ben Ali defendeu até mesmo as pessoas com as quais não combinava, até mesmo os salafitas, em nome da defesa da liberdade de expressão de todos".
"Os meios de comunicação tunisianos, acrescenta Pe. Jawad, descreveram a vítima como uma pessoa próxima ao povo, que vivia numa casa de aluguel e não aproveitou de sua profissão de advogado e seu compromisso político para se enriquecer".
"Túnis está paralisada pela greve geral. Todos as lojas estão fechadas em exceção as farmácias e padarias", disse Pe. Jawad descrevendo o clima que se respira na capital. "Esperamos que o sacrifício de Chokri Belaid marque uma virada positiva para a Tunísia, que haja um "antes e um depois de 6 de fevereiro" e que não permaneça somente uma recordação desses dias de dor" concluiu o sacerdote. (L.M) (Agência Fides 8/2/2013)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network