http://www.fides.org

Asia

2013-01-26

ÁSIA/LÍBANO - O Patriarca Rai convoca um dia de mobilização e solidariedade pelos refugiados sírios “sem distinções”

Beirute (Líbano) – Domingo, 27 de janeiro, nos conventos, santuários e em quase mil paróquias da Igreja maronita, serão coletadas verbas para serem destinadas às atividades realizadas pela Caritas Líbano em prol dos deslocados sírios que se refugiaram precariamente em território libanês. O dia especial de solidariedade foi convocado pelo Cardeal Bechara Boutros Rai, Patriarca de Antioquia dos maronitas, com um apelo a todos os membros da Igreja por ele liderada. Também nas escolas e nas instituições acadêmicas ligadas ao Patriarcado haverá iniciativas para confluir doações em prol de todos os refugiados sírios, “sem distinções”.
Os refugiados sírios registrados no território libanês pelos organismos da ONU são cerca de 220 mil. “Para dizer a verdade – explica à Fides pe. Simon Faddoul, Presidente da Caritas Líbano – os refugiados sírios no Líbano são muito mais. Provavelmente já passam de 400 mil.
Muitos vivem em condições desesperadas, que se tornam ainda mais insuportáveis pelo inverno rígido". A Caritas Líbano – refere à Agência Fides Pe. Faddoul – ajuda diretamente mais de 50 mil sírios deslocados, distribuindo alimentos, roupas, medicamentos, aquecedores e produtos de higiene. No domingo de solidariedade aos refugiados sírios, segundo as indicações do Patriarca, em todas as liturgias eucarísticas celebradas nas igrejas maronitas se rezará por todas as vítimas do conflito e pela paz na Síria. Em seu apelo, Bechara Boutros Rai convida a rezar pela paz "no Líbano, na Síria e em todos os países árabes", par que o Onipotente "inspire os responsáveis locais e internacionais para buscar meios pacíficos para pôr fim à violência e à guerra, encontrando soluções certas e não parciais".
Para os cristãos – recorda o Patriarca - a ajuda a ser oferecida aos irmãos, não só responde a um nobre sentimento humanitário, mas também ao convite do próprio Jesus. O Patriarca - que vai celebrar a missa de domingo na sede patriarcal de Bkerké segundo as intenções indicadas no apelo – cita em particular as palavras de Jesus no Evangelho de Mateus: "Vinde, benditos de meu Pai, recebei em herança o reino preparado para vós desde a fundação do mundo. Pois eu estava com fome e me destes de comer, tive sede e me destes de beber, fui peregrino e me acolhestes, nu e me vestistes, doente e me visitastes, na prisão e fostes me ver... Quando o fizerem também ao último desses meus irmãos, a mim o fizestes". (GV) (Agência Fides 26/1/2013).

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network