AMÉRICA/COLÔMBIA - O Bispo de Buenaventura: “Resolver o problema da violência com um investimento social”

Quinta, 17 Janeiro 2013

Buenaventura (Agência Fides) – O Bispo da diocese colombiana de Buenaventura, Dom Héctor Epalza Quinterno P.S.S., convidou as autoridades a resolver o problema da violência que castiga o país sem usar paliativos, mas com um “investimento social”. Os contínuos atos de violência causam preocupação, medo e terror em meio à população de Buenaventura, e não obstante as forças policiais tenham divulgado outros elementos nos últimos dias, o Bispo destaca que isto não é suficiente, porque se sucedem, na região, extorsões, ameaças, confrontos e existem certos locais que são proibidos à polícia. “A Igreja trabalha pelo anúncio e a denúncia para poder viver em paz” – disse o Bispo, segundo informa a nota enviada à Agência Fides pela Conferência Episcopal da Colômbia. Dom Epalza Quintero exorta a população de Buenaventura a defender a vida, recordando que “este dever começa nas famílias, que são a primeira escola, aonde não deve haver violência. Devemos ser agentes de vida, respeitar as pessoas, as diversidades e o meio ambiente”. Em 2013, somente em Buenaventura já houve 23 mortos, 10 deles no massacro perpetrado em 12 de janeiro em uma área rural. Segundo dados da Fides, ainda está aberta a luta entre esquadrões do crime pelo controle de Buenaventura, principal porto da Colômbia, considerado estratégico para os narcotraficantes. (CE) (Agência Fides, 17/01/2013)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network