AMÉRICA/MÉXICO - “É preciso deter o assassinato de pessoas inocentes”: apelo de Dom Vera Lopez após a morte de um estudante

Terça, 15 Janeiro 2013

Saltillo (Agência Fides) - O Bispo de Saltillo, Coahuila, no México, Dom Raúl Vera López, denunciou que, devido ao número de mortes causadas pela violência – um verdadeiro escândalo no país – é necessário que as forças de segurança corrijam suas estratégias para evitar novos homicídios de pessoas inocentes.
Segundo a nota recebida pela Agência Fides, o Bispo ressaltou a necessidade de uma maior preparação das forças policiais, depois da morte do estudante Adrián González Villarreal, 20 anos, gravemente ferido pela polícia municipal do estado de Nuevo Leon, aparentemente, por engano, sábado, 12 de janeiro. Segundo a imprensa local, dois homens da polícia municipal haviam sido chamados para intervir em um tiroteio. Ao chegar ao local, teriam confundido o carro dos delinquentes com o do estudante, que estava parado, com a namorada. Os policiais atiraram, ferindo o jovem, que veio a morrer no hospital. A namorada está ainda hospitalizada. As autoridades abriram um inquérito interno.
Dom Vera López critica também a facilidade com que as forças policiais usam armas, o que está causando um escândalo internacional nesta batalha contra os delinquentes no país. No estado de Nuevo Leon, pelo menos 12 estudantes foram mortos nos últimos três anos em vários episódios de violência alvo de criminosos ou atingidos por tiros vagantes. (CE) (Agência Fides, 15/01/2013)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network