ÁSIA/PAQUISTÃO - Três cristãos em meio aos mortos nos atentados no Belichistão

Sexta, 11 Janeiro 2013

Quetta (Agência Fides) – Indignação, luto, terror e oração: estes são os sentimentos da pequena comunidade cristã da província de Quetta, logo após a onda de ataques terroristas que somente ontem, em Quetta, problemática província do Beluchistão, deixou 92 mortos e 155 feridos. Segundo reivindicações do grupo terrorista Lashkar-e-Jhangvi, o alvo eram as comunidades de xiitas e o grupo étnico dos hazara.
Como informa à Agência Fides pe. Inayat Gill, OMI, pró-Vigário Apostólico de Quetta, dentre os mortos de Quetta havia três cristãos que se encontravam casualmente nas redondezas dos locais das explosões. Dois eram católicos, e pe. Maqsood Nazir, dos missionários Oblatos de Maria Imaculada (OMI), pároco da igreja do Sagrado Coração, no centro da cidade, celebra hoje seus funerais. Logo após uma explosão, o pároco foi ao local do atentado para levar sua ajuda e assistir seis feridos. Pe. Inayat Gill explica à Fides: “A situação é tensa, é difícil dar explicações para estes trágicos episódios. Os motivos são vários: ódio sectário e étnico, mas não só. Existe a máfia que quer ocupar as terras e também reivindicações políticas: a certeza é que morrem muitos civis inocentes”.
“Como cristãos – acrescenta o pró-Vigário – somos uma pequena minoria, vivemos em risco, como os outros cidadãos muçulmanos, compartilhando seu destino e sua dor. No total, na província de Quetta existem cerca de 70 mil cristãos, dos quais 35 mil católicos. Somos uma comunidade muito vulnerável e a mais pobre. Devemos ser muito prudentes. Não podemos nos expor e participar ativamente nem mesmo das celebrações de três dias de luto, proclamados hoje pelas autoridades, pois corremos o risco de ser alvo de extremistas: nos acusariam de ser aliados com uma facção, no conflito étnico. Rezaremos por todas as vítimas inocentes em nossas igrejas, continuando a dar nosso testemunho de presença pacífica, silenciosa e próxima aos pobres”.
(PA) (Agência Fides 11/1/2013)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network