http://www.fides.org

Asia

2012-12-20

ÁSIA/TERRA SANTA - O Guardião da Natividade: peregrinos, voltem a Belém. Agora aqui tudo está tranquilo

Belém (Agência Fides) - Belém se prepara para o Natal, e espera também que com as festas natalinas se saia da queda brusca no afluxo dos peregrinos registrado nas últimas semanas como mais um efeito colateral da operação militar israelense sobre Gaza "novem de fumaça".
"O afluxo dos grupos de peregrinos", explica à Agência Fides Fr. Stephane Milovitch OFM, Guardião da Basílica da Natividade – diminuiu de maneira exponencial na semana sucessiva aos fatos de novembro. Grande parte das reservas nas semanas sucessivas foram canceladas. Mas agora as pessoas começam a regressar. O Natal marca uma guinada. Os agentes de turismo referem que o afluxo se intensificará nos próximos dias, e começam a chegar reservas inclusive para os meses sucessivos, até abril. Convido pessoalmente também aqueles que por acaso tenham ainda alguma preocupação a vencer qualquer hesitação: aqui agora tudo está tranquilo", nota o frade Guardião de Belém "e é preciso também apoiar a comunidade cristã local com a presença e o testemunho dos peregrinos que vêm de fora. Todos serão acolhidos com alegria".
Enquanto isso, em Belém, a comunidade cristã local se prepara para a festa. Badalam os sinos da novena, o município em 15 dezembro iluminou a praça da Natividade com uma grande árvore de Natal e também as ruas em torno da basílica estão decoradas com luzes.
A solenidade do Natal na cidade onde Jesus nasceu será vivida seguindo o protocolo tradicional. As celebrações serão presididas por Sua Beatitude Fuad Twal, Patriarca latino de Jerusalém, que chegará a Belém na tarde de 24 de dezembro, acolhido pelos escoteiros e pelo povo. Depois do ingresso na Basílica – onde serão celebradas as primeiras Vésperas de Natal -, o Patriarca guiará a procissão na gruta, incensando o lugar do nascimento de Jesus, o Presépio e o Altar dos Magos para depois passar pelas grutas subterrâneas de São José, dos Santos Inocentes e regressar por Santa Catarina. A seguir, será servido o jantar, ao qual também foi convidado o Presidente da Autoridade palestina Abu Mazen. Após o jantar, haverá as vésperas e depois a missa de meia-noite, da qual participarão, além do Presidente Mazen, também a prefeita de Belém, Vera Baboun, e outras autoridades políticas junto aos diplomatas de Itália, França, Espanha e Bélgica. Na Basílica, poderão participar cerca de 1500 fiéis. Depois da Missa, a imagem do Menino Jesus será levada em procissão na gruta da Natividade, onde permanecerá até o dia 6 de janeiro, quando será levada de maneira solene a Santa Catarina pelo Custódio da Terra Santa. (GV) (20/12/2012).

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network