http://www.fides.org

Africa

2012-12-13

ÁFRICA/QUÊNIA - "Delimitar as fronteiras para impedir novas violências": o pedido dos Bispos de quatro países da África oriental

Nairóbi (Agência Fides) – Os Bispos das dioceses fronteiriças de Sudão do Sul, Quênia, Uganda e Etiópia lançaram um apelo pela delimitação das fronteiras, para impedir os conflitos e alcançar uma convivência pacífica entre as comunidades limítrofes dos quatro países. Segundo refere Sudan Catholic Radio Network, o apelo foi lançado no decorrer de uma conferência interdiocesana sobre a paz e sobre a evangelização além-fronteiras, que se realizou na diocese de Lodwa, no Quênia.
Dom Dominic Kimengich, Bispo de Lodwa, lançou o apelo à comunidade internacional para que contribua para a demarcação dos confins, a fim de prevenir as tensões e os confrontos entre as comunidades de pastores limítrofes. De fato, há frequentes ataques de grupos de roubo de gado de uma fronteira para outra, principalmente entre Quênia e Etiópia, que causam mortos e feridos.
O Bispo de Lodwa exortou os responsáveis da Igreja a trabalharem para a construção da paz através da reconciliação das populações a eles confiadas.
O Bispo de Torit, Dom Johnson Akio Mutek, sugeriu o envolvimento dos idosos de vários grupos pastorais para resolver os problemas das fronteiras e aplacar as tensões.
O encontro dos Bispos dos quatro Estados nasceu da exigência de encontrar uma posição comum sobre o problema do triângulo de Ilemi, um território de 14.000 km2 reivindicado por Sudão do Sul, Quênia e Etiópia. (L.M.) (Agência Fides 13/12/2012)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network