http://www.fides.org

America

2012-10-06

AMÉRICA/MÉXICO - "Não podemos permanecer indiferentes diante da violência, queremos fazer nascer a esperança", exorta Dom Arizmendi

Cidade do México (Agência Fides) - "Não podemos permanecer indiferentes diante de tantos problemas; e nem nos reduzir somente a lamentações e críticas, e dar a culpa a um ou a outro. Queremos gerar esperança, porque nem tudo está perdido. Há caminhos, há luz, há corações bons e nobres. É possível sentar e falar, ouvir-se, com as nossas legítimas diferenças e posições": assim se expressou Dom Felipe Arizmendi, Bispo de San Cristóbal de las Casas, no seu pronunciamento no encontro "Fé e Cultura, diálogo pela Paz", realizado esta semana no Centro Cultural Universitário e organizado pela Conferência Episcopal e pela Universidade Autônoma do México (veja Fides 01/10/2012). Dom Arizmendi destacou que "a violência vivida no país nos levou hoje a assumir diferentes posições radicais, e a não respeitar as leis civis e religiosas, assim cada um tenta obter o que quer sem dar a importância àquilo que acontece". O Bispo disse considerar que o México sofre de uma fratura social, política, cultural e religiosa, "por esse motivo, diante das posições radicais e da incapacidade de viver no respeito, na harmonia e na paz dentro de uma legítima pluralidade, é necessária a unidade para além das diferenças". (CE) (Agência Fides 06/10/2012)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network