ÁFRICA/MALI - Bamako pede uma resolução da ONU que autorize o envio de tropas da CEDEAO

Terça, 25 Setembro 2012

Bamako (Agência Fides) – O Mali solicitou oficialmente uma resolução do Conselho de Segurança da ONU que autorize o envio de uma força internacional para colocar sob controle o norte do país há meses nas mãos de uma série de grupos fundamentalistas. O pedido está contido numa carta endereçada ao secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, assinado pelo Presidente do Mali, Dioncounda Traoré, e pelo premier, Cheikh Modibo Diarra. A resolução da ONU deve autorizar "a intervenção de uma força militar internacional para ajudar o exército malinês a reconquistar as regiões ocupadas do norte", disse o Ministro de Assuntos Exteriores francês, Laurent Fabius, que anunciou a decisão das autoridades de Bamako. Com toda a probabilidade, serão Estados da Comunidade Econômica da África Ocidental (CEDEAO/ECOWAS) a fornecer a maioria das tropas a serem enviadas ao Mali. A França e outros países ocidentais ofereceram apoio de alojamento. Enquanto isso, a organização Human Rights Watch denunciou num relatório publicado hoje, novas violações dos direitos humanos cometidas por grupos islâmicos (Al Qaeda no Magrebe Islâmico-AQMI, Ansar Al Dine e Movimento para Unidade e a Jihad na África Ocidental -MUJAO) que controlam o norte do Mali. Foram mencionados amputação de membros, o apedrejamento, recrutamento de crianças e punição para as mulheres que não cumprem os requisitos do "vestuário islâmico". (L.M.) (Agência Fides 25/9/2012)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network