ÁSIA/SÍRIA - Esperanças de paz dos Patriarcas depois da visita do Papa ao Líbano

Segunda, 17 Setembro 2012

Damasco (Agência Fides) – Satisfação e esperança dos Patriarcas cristãos de Damasco por um futuro de paz e de reconciliação na Síria: após a visita do Papa aos líderes cristãos locais, todos presentes no Líbano, ressaltando a “plena sintonia" com Bento XVI sobre a urgência de uma "solução pacífica" da crise síria, através do diálogo e da reconciliação.
Entre os mais de 200 Bispos que participaram da visita do Papa, estavam presentes o Patriarca greco-católico Gregorio III Laham; o Patriarca greco-ortodoxo Ignatius IV Hazim; o Patriarca sírio-católico Ignatius III Younan; o Patriarca sírio-ortodoxo Zakka I Iwas que, mesmo doente e necessitado de diálise, quis fortemente estar presente.
Numa declaração à Agência Fides, os Patriarcas expressam "grande consolação por estar da mesma parte do Santo Padre sobre a visão da existência insubstituível dos cristãos no Oriente Médio". Os líderes notam que, a propósito da crise síria, o Papa, "como suprema autoridade moral, ofereceu critérios éticos sem interferir no campo político, recordando à comunidade internacional a responsabilidade de salvar a vida da população e, de modo especial, das minorias".
Em especial, os Patriarcas apreciam o trecho em que o Santo Padre recordou que “todo cristão deve fazer-se instrumento de paz e de reconciliação no Oriente Médio", dizendo "Não ao extremismo, à violência, às armas; Sim à paz, ao diálogo e à reconciliação". "Estamos certos – concluem – de que esta viagem dará frutos e que será um impulso potente para encontrar novos caminhos de paz na Síria". (PA) (Agência Fides 17/9/2012)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network