ÁFRICA/EGITO - Retorna a calma no Cairo; manifestantes pagos para provocar confrontos?

Segunda, 17 Setembro 2012

Cairo (Agência Fides) - "A situação no Cairo já se normalizou. A calma voltou ao redor da embaixada dos Estados Unidos e na Praça Tahrir. O trânsito voltou regularmente e se trabalha para reassentar a ruas, teatro de confrontos", disse à Agência Fides Pe. Rafic Greiche, responsável pela comunicação para a Igreja Católica no Egito. "A polícia prendeu vários jovens, muitos com precedentes penais acusados de terem participado nos motins dos últimos dias. Estão em andamento as investigações para ver se alguém pagou estes jovens para atacar a embaixada dos EUA".
O primeiro-ministro Hisham Qandil anunciou que alguns dos detidos confessou que foi pago para participar dos confrontos. "Na verdade – disse Pe. Greiche - não é normal o que aconteceu. É compreensível que haja protestos por causa do filme famoso, mas eu me pergunto porque os jovens muçulmanos se confrontam violentamente com a polícia de seu país, composta principalmente por muçulmanos? É possível que haja alguém que sopre sobre o fogo".
Pe. Greiche se mostra confiante de que, finalmente, o governo queira evitar novos confrontos: "O governo pretende restaurar a ordem mesmo porque daqui a pouco o Presidente Mursi irá a Nova York para participar da Assembleia Geral das Nações Unidas". (L.M.) (Agência Fides 17/9/2012)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network