AMÉRICA/BOLÍVIA - “Permanecer calmos, dizer a verdade, ser corajosos”: Dom Pérez aos jornalistas

Quarta, 5 Setembro 2012

La Paz (Agência Fides) - O Vice-presidente da Conferência Episcopal da Bolívia, Dom Jesús Pérez, Bispo de Sucre, pediu aos jornalistas e aos diretores da mídia para serem fortes e enfrentar com muita calma os tempos difíceis que o país está enfrentando. Na nota, enviada à Agência Fides, Dom Pérez recorda que, como os profetas, os trabalhadores da mídia são mensageiros da verdade. Agora, “é o momento de permanecer calmos”, mas é dever dos jornalistas dizer a verdade e “serem corajosos”. Assim, pediu-lhes, mais uma vez, calma e seriedade, apesar das circunstâncias.
As palavras de Dom Pérez surgem depois do anúncio de uma querela do governo contra três meios de comunicação, um dos quais, a "Agência de Notícias Fides" (ANF) administrada pela Igreja católica, por ter distorcido – segundo a acusação – algumas declarações do Presidente. Na semana passada, a Conferência Episcopal Boliviana, em carta ao diretor da ANF, o sacerdote jesuíta José Gramunt de Moragas, expressou “apoio e solidariedade ao trabalho jornalístico da ANF, após os ataques recebidos nos últimos dias de representantes do governo nacional”. Na carta, os Bispos afirmam não encontrar “algum motivo razoável para as acusações feitas publicamente pelas autoridades, desacreditando o trabalho a serviço da verdade e do bem comum, bem inserido na história deste meio da comunicação da Igreja católica na Bolívia”.
Várias instituições expressaram-se a favor da ANF, dentre as quais a Federación Departamental de Trabalhadores da Imprensa de Santa Cruz e a Confederação Sindical de Trabalhadores da Imprensa da Bolívia. O Observatório Nacional da Mídia (Onadem) da Fundación Unir Bolívia denunciou o aumento de agressões contra jornalistas na Bolívia e a representante do Colégio Latino-americano de Jornalistas (Colaper) anunciou que em fins de setembro apresentará um relatório sobre esta situação ao Congresso dos Jornalistas do Equador e da Colômbia. (CE) (Agência Fides, 05/09/2012)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network