http://www.fides.org

Africa

2012-08-09

ÁFRICA/ETIÓPIA - Mais de 800 crianças sem da rua e recebem instrução graças às Irmãs de São Vicente de Paulo

Addis Abeba (Agência Fides) - 813 crianças receberam instrução na escola administrada pelas Filhas da Caridade de São Vicente de Paulo, perto de um pequeno cemitério em Addis Abeba, capital da Etiópia.
Segundo informa uma nota enviada à Agência Fides pela Ajuda à Igreja que Sofre, apesar do pequeno espaço (pois a escola é situada em uma colina, às margens de um abismo), as religiosas conseguiram construir uma pequena biblioteca e até um campo de jogo. “Aqui tudo é em miniatura – afirma a diretora, Irmã Belaynesh Woltesi – mas não falta nada às nossas crianças: temos livros, uniformes e principalmente comida, mesmo que com os preços em contínuo aumento, é sempre mais difícil comprar gêneros alimentares”.
Todos os alunos provêm de famílias muito pobres e a maioria de seus pais tem AIDS ou hanseníase. As crianças soropositivas desde que nasceram são muitas, mas as Filhas da Caridade não sabem exatamente quantas. Na Etiópia, a AIDS, muito difundida, é ainda um tabu e as religiosas evitam até pronunciar o nome da síndrome diante dos doentes.
Muitos estudantes foram recolhidos nas ruas da capital enquanto mendigavam para manter a própria família. Alguns vendiam bilhetes de loteria, chicletes e balas; outros pertenciam a gangues de “mendigos profissionais” que se vestem de palhaço e fazem acrobacias para sensibilizar os transeuntes. Pedir esmolas é ilegal na Etiópia e por isso, os pais deixam seus filhos saírem somente à tarde, quando diminui o número de guardas nas ruas. Infelizmente, a prostituição também é muito comum.
As religiosas continuam a procurar pequenos mendigos na cidade. “Mas não é fácil – explica Irmã Belaynesh – porque muitas vezes, o dinheiro ganho representa a única entrada para as famílias. E as crianças conhecem as regras da rua, não aceitam que ninguém tome conta delas”.
Em 2011, recorda o comunicado, Ajuda à Igreja que Sofre doou à Igreja Católica etíope mais de 620 mil euros. Parte da oferta manteve os numerosos religiosos e religiosas que assistem pobres e carentes em todo o país. Na Etiópia, mais de 10 milhões de pessoas gozam de benefícios das obras de caridade da Igreja católica, não obstante os fiéis católicos sejam apenas 700 mil. A Igreja administra 203 jardins de infância e 222 escolas frequentadas por mais de 180 mil estudantes de todas as religiões. (L.M.) (Agência Fides 9/8/2012)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network