http://www.fides.org

Vaticano

2003-07-21

VATICANO - O PAPA DURANTE O ÂNGELUS: “A NOVA EUROPA SEJA AJUDADA A CONSTRUIR-SE A SI MESMA REVITALIZANDO AS RAÍZES CRISTÃS QUE A ORIGINARAM”

Castel Gandolfo (Agência Fides) – “Nos últimos meses se trabalhou intensamente na redação da nova Constituição Européia, cuja a versão definitiva será aprovada pela conferência inter-governativa a partir de outubro próximo. A esta importante tarefa, que interessa a todos os componentes da sociedade européia, também a Igreja sente o dever de oferecer o próprio contributo”. Assim afirmou o Santo Padre João Paulo II antes da oração mariana do Ângelus em Castel Gandolfo, no domingo, 20 de julho.
O Papa lembrou que o cristianismo “constitui, na complexa história do Continente, um elemento central e qualificante, que foi se consolidando sob o fundamento da herança clássica e dos diversos contributos oferecidos pelos fluxos étnicos-culturais que se sucederam ao longo dos séculos. Se pode dizer que a fé cristã plasmou a cultura da Europa, fazendo uma coisa só com a sua história e, não obstante a dolorosa divisão entre Oriente e ocidente, o cristianismo tornou-se 2a religião dos europeus”. A sua influência permaneceu notável também na época moderna e contemporânea, malgrado o forte e difuso fenômeno da secularização. A Igreja sabe que o seu interesse pela Europa nasce de sua própria missão. Enquanto depositária do Evangelho, promoveu aqueles valores que tornou universalmente apreciada a cultura européia. Este patrimônio não pode ser disperso. Antes, a nova Europa seja ajudada “a construir-se a si mesma revitalizando as raízes cristãs que a originaram”.

(S.L) (Agência Fides 21/07/2003 – linhas: 24; palavras: 264)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network