http://www.fides.org

America

2012-05-16

AMÉRICA/PARAGUAI - "Superar pobreza e corrupção": a voz da Igreja no aniversário da independência

Assunção (Agência Fides) – A celebração do Te Deum pelos 201 anos de independência do Paraguai foi marcada por uma particularidade: foi impedido às pessoas entrarem na Catedral e na praça, embora tal disposição não tenha sido oficialmente explicada por ninguém. Diante de todas as principais autoridades do governo, segunda, 14 de maio, o Arcebispo Coadjutor de Assunção, Dom Dom Edmundo Ponziano Valenzuela Mellid, S.D.B. descreveu um país bem diferente do que o referido pouco antes pelo Presidente Lugo em seu discurso à nação, pronunciado antes de entrar na Catedral, diante apenas das autoridades.
Dom Valenzuela Mellid recordou que a Conferência Episcopal do Paraguai, por ocasião do Bicentário, havia pedido para “superar a pobreza, o subdesenvolvimento e a marginalização em que o país vive, adotando políticas públicas para enfrentar situações urgentes da nação”. O Arcebispo disse que “a Igreja pede para superar a impunidade e a corrupção que invadiram o país, e isto tem a ver com a necessidade de uma reforma do sistema judiciário”. Também recordou o que ainda há por fazer: “a reforma agrária, a luta aos latifúndios, a recuperação das terras empossadas ilicitamente, a proteção do ambiente”.
Dom Valenzuela exortou os presentes a agradecer Deus pelo país e rezar pelo seu futuro, certos de que a graça de Deus nunca faltará. Aos partidos políticos, pediu que superem atritos e conflitos de todo gênero, colocando de lado interesses pessoais e de grupo para construir uma intenção política pelo bem comum do país. Enfim, o Arcebispo chamou todos a construir uma nação, uma grande família, unidas sob a mesma bandeira dos ideais do país, justiça, liberdade, união e igualdade, que Jesus Cristo resumiu no mandamento do amor de Deus e do próximo. (CE) (Agência Fides, 16/05/2012)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network