ÁFRICA/MADAGASCAR - Alerta no país para a chegada do devastador ciclone "Giovanna"

Terça, 14 Fevereiro 2012

Antananarivo (Agência Fides) – Aproxima-se uma violenta tempestade tropical perto da cidade malgaxe de Toamasina, na costa oriental, que se dirigirá rumo à capital, Antananarivo. Denominado ciclone Giovanna, terá um impacto tão violento como não se verifica há anos no país. Segundo o responsável local pela organização humanitária CARE, se Giovanna confirmar as previsões, as consequências serão catastróficas. Não ocorria um fenômeno assim tão destrutivo desde os tempos do ciclone Indlala de 2007, ou talvez até antes. Giovanna está sendo comparado pelo Meteorológico malgaxe ao ciclone Geralda, que em 1994 atingiu áreas densamente povoadas, e matou cerca de 200 pessoas, 40 mil ficaram desalojadas e prejudicou mais de 500 mil pessoas. A área de impacto inicial está prevista entre o bairro nordeste de Fenerive Est e o bairro sudeste de Vohipeno. As regiões mais gravemente atingidas devem ser Antsinanana e Analanjirofo, segundo um relatório do Departamento para a Coordenação dos Assuntos Humanitários (OCHA). O ciclone poderia isolar a cidade de Toamasina, como também as áreas de Brickaville, Mahanoro, Vatomandry e Fenerive Est. Além disso, os sistemas de comunicação poderiam sofrer interrupções nas duas regiões mais atingidas. Um agente humanitário com sede em Antananarivo disse que mesmo que os cidadãos da capital sejam normalmente bem informados dos eventos, não estavam a par da iminente chegada de Giovanna. O ciclone vai se abater em concomitância com o primeiro aniversário do ciclone Bingiza, que matou 14 pessoas, destruiu cerca de seis mil casas e registrou 19 mil desabrigados. (AP) (14/2/2012 Agência Fides)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network