ÁFRICA/REP. CENTRO-AFRICANA - Depois do seqüestro, o Bispo de Bambari retorna à sede escoltado por militares

Segunda, 6 Junho 2011

Bangui (Agência Fides) - Dom Eduard Mathos, Bispo de Bambari, na República Centro-africana, retornou a seu Episcopado sob escolta militar. É o que comunicam à Agência Fides fontes da Igreja local, que per razões de segurança não querem ser citadas. Dom Mathos se refugiou na aldeia de Ngerengou, depois de ter sido refém de um seqüestro por parte de um grupo de guerrilheiros (veja Fides 4/6/2011).
As fontes da Fides acrescentam outros detalhes sobre o ataque de que o Bispo foi vítima, em 2 de junho. “Dom Mathos viajava em seu carro, guiado por um motorista. Era seguido por um veículo do Jesuit Refugee Service (JSR), a organização humanitária promovida pelos Jesuítas. Os guerrilheiros detiveram ambos os meios. Depois de poucas horas, se afastaram, libertando Dom Mathos mas levando os dois carros e os motoristas. Sucessivamente, o motorista do JRS conseguiu fugir. O motorista de Dom Mathos ainda está nas mãos dos bandidos” – concluem as nossas fontes. (L.M.) (Agência Fides 6/6/2011)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network