http://www.fides.org

Asia

2003-07-03

ÁSIA/ÍNDIA - JOVENS CATÓLICOS EM MISSÃO ENTRE OS JOVENS NÃO CRISTÃOS DAS VILAS RURAIS – PROSSEGUE A PREPARAÇÃO À JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE ASIÁTICA

Diphu (Agência Fides) – Uma missão que parte dos jovens para se chegar a outros jovens: é a iniciativa de algumas dioceses da Índia em preparação para a Jornada Mundial da Juventude asiática, promovida pela Conferência Episcopal da Índia em colaboração com a Federação das Conferências Episcopais da Ásia, que ocorrerá em Bengala de 9 a 16 de Agosto de 2003. Mais de mil delegados vindos de diferentes países asiáticos irão debater e refletir o tema “Os Jovens da Ásia pela paz”.
Entre as experiências mais significativas, aquela da diocese de Diphu, no nordeste da Índia: a Comissão pela Pastoral da Juventude, guiada por Pe. Tom Mangattuhazhe, organizou uma missão dirigida para os jovens das áreas rurais, com iniciativas de evangelização, educação, orientação vocacional e grupos de debate “para abrir as suas vidas a um desenvolvimento integral à luz do Evangelho”, explicou o Diretor da Comissão em um relatório enviado à Agência Fides.
“Uma mudança da nossa sociedade e o desenvolvimento da nossa região podem ocorrer somente quando os jovens saem fora de suas cascas, com as seus recursos e talentos. Devemos oferecer a eles a oportunidade de construírem um sentido de responsabilidade e autonomia. Nós privilegiamos uma aproximação global, desafiando os jovens a ser luz para a sociedade. Os desafiamos a ser advogados da paz, não da guerra; de amor, não de ódio; de generosidade, não de egoísmo; de respeito à humanidade e não de destruição”.
A estratégia de evangelização previ que os próprios jovens se aproximem e falem de outros jovens. “A catequese e a evangelização proposta pelos jovens tem um impacto diferente. Muitos dos nossos jovens giram pelas vilas rurais, permanecem lá por dois dias. Estabelecem facilmente um contato com os outros jovens não cristãos, falam a estes de Cristo e da Igreja: nascem assim novas comunidades cristãs, baseadas na escuta da Palavra de Deus e na oração”.
Em preparação para a Jornada Mundial da Juventude asiática, a missão se centra no anúncio de paz e justiça, temas sobre os quais os jovens mostram grande atenção e sensibilidade. Durante a JMJ asiática se refletirá sobre quais podem ser a contribuição dos jovens da Ásia para a reconciliação nos diversos países asiáticos abalados por guerras, conflitos étnicos e civis, desordens sociais, para criar uma autêntica cultura de paz a nível local e global.
Do encontro participarão não apenas jovens católicos, mas também convidados de outras religiões, em modo a alargar o mais possível o discurso da paz, envolvendo budistas, hindus e muçulmanos de cultos tradicionais. As diversas sessões e seminários aprofundarão os quatro pilares da paz, indicados pela encíclica Pacem in Terris (Verdade, Justiça, Amor e Liberdade), considerados em diversos níveis individuais, comunitário, nacional, universal. As discussões enfrentarão também questões de ordem prática, que tocam a realidade da juventude: globalização, luta ao terrorismo, Aids, abuso de droga e álcool, desequilíbrios ecológicos, desocupação, fundamentalismo, consumismo, crise de valores.
(PA) (Agência Fides 3/07/2003 – linhas: 39; palavras: 499)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network