http://www.fides.org

Atos da Santa Sé

2010-06-10

AMÉRICA/COLÔMBIA - Renúncia do Vigário Apostólico de Puerto Carreño e nomeação de seu sucessor

Cidade do Vaticano (Agência Fides) - O Santo Padre Bento XVI em 10 de junho de 2010 aceitou a renúncia ao governo pastoral do Vicariato Apostólico de Puerto Carreño (Colômbia), apresentada por Dom Álvaro Efrén Rincón Rojas, C.Ss.R., conforme o cânone 401 § 1 do Código de Direito Canônico. O Santo Padre nomeou Vigário Apostólico de Puerto Carreño (Colômbia), o Rev. Pe. Francisco Antonio Ceballos Escobar, C.Ss.R., Pró-Vigário da mesma circunscrição eclesiástica. A ele foi designada a sede episcopal de Zarna.
Pe. Francisco Antonio Ceballos Escobar, C.Ss.R., nasceu em 4 de março de 1958 em Génova (Diocese de Armênia), em Quindío, Colômbia. Depois de freqüentar a escola primária, completou o científico no Seminário Menor dos Padres Redentoristas São Clemente María Hofbauer, em Manizales. Depois do noviciado, em Piedecuesta, Santander, fez a profissão perpétua em 5 de agosto de 1984. Estudou Filosofia no Centro Pastoral de Filosofia de Bogotá e Teologia no Teologado Interprovincial Redentorista em Tlalpizáhuac, no México. Foi ordenado sacerdote em 29 de junho de 1985. Depois da Ordenação Sacerdotal desempenhou os seguintes cargos: 1985-1986: Missionário itinerante em Manizales; 1986-1987: Vigário paroquial de Santo Afonso; 1987-1989: Diretor e Professor do Seminário Menor dos Redentoristas, Manizales; 1989-1990: Diretor do Seminário Menor do Vicariato Ap. de Sibundoy; 1990-1995: Reitor do Seminário-Colégio dos Redentoristas em Manizales; 1995-1998: Estudos para o Mestrado em Ciências da Educação na Universidade Santo Tomás, em Bogotá; 1998-2001: Superior da Casa dos teólogos, em Bogotá; em 1999 foi Conselheiro provincial ordinário e Presidente do Secretariado para a Formação; 2001-2008: Provincial dos Redentoristas por dois mandados consecutivos; de 2008: Pró-Vigário de Puerto Carreño.
O Vicariato Apostólico de Puerto Carreño, foi criado em 1999. Estende-se numa superfície de 71.368 km2 e conta 42.000 habitantes, dos quais 31.000 católicos, com 3 paróquias, 2 quase paróquias e 26 centros de culto ou de pastoral. Eles são atendidos por 8 sacerdotes (5 religiosos pertencentes à Congregação dos Redentoristas) e 1 irmão religioso. Colaboram ativamente na obra de evangelização também 5 religiosas. Os seminaristas maiores são 3. (SL) (Agência Fides 10/06/2010)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network