http://www.fides.org

Asia

2003-05-05

ÁSIA/CORÉIA DO NORTE - NOVO APELO DA CARITAS POR AJUDA ALIMENTAR, ASSISTÊNCIA SANITÁRIA E AGRÍCOLA NA CORÉIA DO NORTE

Hong Kong (Agência Fides) – A Caritas Hong Kong difundiu um novo apelo pela cooperação na Coréia do Norte, lançando uma coleta de fundos que – para atender aos pedidos de ajuda na alimentação, no setor sanitário , produção agrícola e formação profissional na Coréia do Norte, visa conseguir em um ano 2,6 milhões de dólares.
Apesar de a produção agrícola estar melhorando – observa um relatório da Caritas Hong Kong – as disparidades geográficas estão ainda sensíveis e para grande parte da população que vive em zonas em desvantagem não há possibilidade de haver acesso à comida: muitas famílias não chegam a buscar o necessário para sobreviver.
“ Em julho de 2002 o governo da Coréia do Norte aprovou um projeto de reforma econômica que, entre outro, causou um aumento dos preços e a abolição do sistema da distribuição de comida com os cupons. Tal medida sinalizou uma drástica mudança no estilo de vida da população: hoje há o risco que ocorra uma espécie de seleção, em que sobreviva apenas os mais resistentes da espécie”, explica à Agência Fides Kathi Zellweger, Diretor da cooperação na Caritas Hong Kong, que segue pessoalmente os projetos de assistência na coréia do Norte.
Por isso – observa a Caritas – a intervenção externa resulta crucial nesta fase de transição de um sistema socioeconômico de completa dependência do estado para um em que as pessoas devem procurar a comida por si, com limitadas ajudas estatais.
O apelo da Caritas visa recolher 2,6 milhões de dólares até 30 de março de 2004 para projetos em 9 províncias, entre as mais pobres do Norte da Coréia, situadas sobre a costa oriental do país, em que vivem no complexo cerca de 8 milhões de pessoas: Norte e Sul Pyongan, Norte e Sul Hwanghae, Kangwon, Norte e Sul Hamgyon, Ryanggang, Chahang. Os beneficiários destas ajudas sáo os grupos mais vulneráveis, sobretudo crianças, mulheres, anciãos a quem se garante alimentação de base e assistência sanitária; mas também jovens e homens que seguem percursos de formação para o melhoramento das técnicas de agricultura.
A Caritas Hong Kong atua nos seguintes setores:
- assistência alimentar: em colaboração com o Programa Alimentar Mundial (Pam) da Onu, para atingir 512 mil toneladas de grãos necessários, segundo estimativas do Pam, para evitar a morte por fome. a ajuda humanitária atinge, entre outros, mais de 8.000 crianças órfãs em 39 institutos da Coréia do Norte;
- saúde: com projetos legados à Unicef, Organização Mundial da Saúde e Cruz Vermelha para fornecer pequenos hospitais e centros médicos na Coréia do Norte;
- agricultura: em colaboração com o programa de desenvolvimento da Onu, oferecendo suporte a mais de 2 mil cidadãos no fornecimento de materiais para a agricultura;
- formação de pessoal sobre técnicas de cultivação e utilização de máquinas agrícolas.

A Caritas Hong Kong trabalha com projetos na Coréia do Norte desde a metade dos anos 90, quando o regime permitiu o ingresso das organizações humanitárias no País, provada pelas carestias e por uma série de desastres naturais.
Doações para contribuir com a Assistência da Cáritas na Coréia do Norte podem ser endereçadas a:
Caritas Hong Kong US $ - A/C nº 616-101094-106 – Fortis Bank Asia HK, 27/F, Fortis Bank Tower 77-79 Gloucester Road – Hong Kong – Swift Code: GEBA HK KW – Remark: North Korea

Caritas Hong Kong EURO – A/C nº 00110009-01-8 – Deustsche Bank (Ásia) – 51/F, Cheung Kong Center – Queen’s Road Hong Kong – Remark: North Korea

(PA) (Agência Fides 5/5/2003 – linhas:52; palavras: 582)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network