http://www.fides.org

Asia

2004-02-17

ÁSIA/VIETNÃ - Mais de 430 jovens vietnamitas nas pegadas de Dom Bosco: a vocação à vida de amor e de serviço conquista o coração dos jovens em um país comunista

Hanoi (Agência Fides) - Os jovens do Vietnã estão apaixonados pelo carisma de Dom Bosco: mais de 430 jovens desejam entrar para a congregação dos salesianos no país. Os ideais de bondade, serviço, alegria, sequela de Cristo, expressados na forma típica dos seguidores de Dom Bosco, continuam a conquistar os corações de milhares de jovens no mundo, também em países como o Vietnã, onde a Igreja Católica encontra algumas dificuldades na pastoral ordinária. A grande expansão dos salesianos no Vietnã foi divulgada - escreve o boletim de notícias salesiano ANS - pelo Pe. Francesco Cereda, o Conselheiro para a Formação da Ordem, que recentemente visitou dois países asiáticos, Sri Lanka e Vietnã, em uma viagem realizada de 25 de janeiro a 2 de fevereiro.
Pe. Cereda encontrou os jovens em formação no Vietnã e conversou com as equipes de formadores: 38 jovens em Cau Bon, que no ano precedente ingressaram no noviciado; 24 noviços em Ba Thon; 34 estudantes de teologia em Xuan Hiep e mais de 300 aspirantes de idade entre 17 e 23 anos em Dalat e Saigon. Pe. Cereda notou o grande amor que todos nutrem por Dom Bosco, admirando principalmente o espírito missionário, e visitou paróquias que desenvolvem serviço para as minorias étnicas vietnamitas em k’Long e k’ren.
A formação que se pede a esses jovens, explicou Pe. Cereda, é exigente, pois é importante estar certo de que eles não estejam envolvidos somente por uma questão emotiva momentânea, destinada a se apagar, mas que tenham realmente uma vocação missionária, de doar a vida pelo serviço ao próximo, nas pegadas de Dom Bosco. Ao mesmo tempo, Pe. Cereda viu os jovens muito livres e contentes, e faz esperar que prossigam em seu caminho vocacional.
Antes do Vietnã, Pe. Cereda foi até Sri Lanka, onde visitou principalmente os noviços e os aspirantes, visitando também a escola técnica de Kandy e de Negombo e a obra de reabilitação desenvolvida por alguns salesianos em Uswetakeiyawa, em favor dos jovens vítimas do turismo sexual.
(PA) (Agência Fides 17/2/2004)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network