http://www.fides.org

Vaticano

2004-02-09

VATICANO - O Papa confia a Maria o Dia Mundial do Enfermo: “Que Maria proteja os participantes dos eventos programados em Lourdes, nos próximos dias: os encontros sobre a pastoral da saúde nos países da Europa e sobre a especial relação entre Maria e os doentes“

Cidade do Vaticano (Agência Fides) – O discurso do Santo Padre no Angelus de domingo, 8 de fevereiro, foi dedicado à celebração do Dia Mundial do Enfermo. Os principais eventos serão realizados em Lourdes, onde Maria Santíssima apareceu a Santa Bernardete Soubirous, apresentando-se como "a Imaculada Conceição", por ocasião dos 150 anos do dogma da Imaculada, proclamado pelo bem-aventurado Pio IX.
“É visível a estreita relação entre Nossa Senhora de Lourdes e o mundo do sofrimento e da doença – recordou o Papa -. No Santuário existente na gruta de Massabielle, os doentes são sempre os protagonistas, e Lourdes se tornou, no decorrer dos anos, uma autêntica cidadela da vida e da esperança.” João Paulo II invocou a proteção de Maria sobre aqueles que participarão dos vários eventos programados em Lourdes, e em particular, “confiamos à Virgem Santa principalmente a solene Celebração eucarística, que será presidida pelo meu Enviado especial, o Cardeal Lozano Barragán, Presidente do Pontifício Conselho da Pastoral para os Agentes de Saúde”.
Depois do Angelus, o Papa dirigiu uma saudação especial a um grupo de trabalhadores da indústria siderúrgica da cidade italiana de Terni, “que vieram em peregrinação para chamar a atenção sobre a crise de emprego deste grande complexo industrial”. Recordando que foi exatamente a Terni que fez sua primeira visita pastoral a uma fábrica italiana, em 19 de março de 1981, o Papa fez votos de que se possa alcançar “uma solução justa” para os trabalhadores e para suas famílias.
(S.L.) (Agência Fides 9/2/2004)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network