http://www.fides.org

Notas

2003-12-16

NOTAS - A CHINA DO INÍCIO DO SÉCULO XX EM EXPOSIÇÃO NAS FOTOGRAFIAS DO MISSIONÁRIO PADRE LEONE NANI, PIME

Milão (Agenaia Fides) – Inaugura-se no dia 17 de dezembro de 2003, no Palácio Real de Milão, a mostra “A China perdida nas fotografias de Leone Nani”. A iniciativa se insere no âmbito de “Caminhos Chineses”, um ano de eventos culturais que o Pontifício Instituto para as Missões no Exterior (Pime) está organizando por ocasião do centenário da viagem de Nani para a China. A mostra apresenta a extraordinária reportagem, realizada entre 1903 e 1914 por Padre Leone Nani, missionário e fotógrafo, numa das regiões do interior da China.
A mostra contém uma seleção de cerca de 200 imagens, divididas em seções (o contexto histórico, a vida cotidiana, o povo, a missão e diversos auto-retratos) e é enriquecida por objetos que pertenceram ao Padre Nani e por alguns exemplos de arte chinesa dos primeiros anos do século XX – fim da dinastia Qing/início do período republicano – provenientes da coleção do Museu Povos e Culturas do PIME de Milão. Nani considera a fotografia como um meio para conhecer a realidade e para cumprir um de seus deveres, o de enviar à Itália testemunhos de sua obra de missionário.
(Agência Fides 16/12/2003 14 linhas; 141 palavras)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network