http://www.fides.org

Ciência e Medicina

2003-12-11

EUROPA/SUÍÇA - UM NOVO ESTUDO DA OMS DEMONSTRA COMO O IMPACTO DAS MUDANÇAS CLIMÁTICAS INFLUENCIA A SAÚDE

Genebra (Agência Fides) – A Organização Mundial da Saúde (OMS) junto ao United Nations Environment Programme (UNEP), ao World Meteorological Organization (WMO), com o apoio do United States Environmental Protection Agency (EPA), publicou o estudo “Climate Change and Human Health - Risks and Responses” sobre o impacto que as mudanças climáticas têm sobre a saúde. A pesquisa examina, por exemplo, como o estado atmosférico, a poluição, a água e o alimento contaminado aumentam as doenças. O estudo sugere algumas medidas de segurança eficazes para que todos os países mantenham sob controle a situação.
Segundo o dados mais recentes, as mudanças climáticas são responsáveis por 2,4% de todos os casos de diarréia no mundo, de 2% dos casos de malária, além de mais de 150,000 mortes.
A década de 90 foi marcada por recordes. Na Europa, por exemplo, no verão passado morreram cerca de 20,000 pessoas por causa das temperaturas muito altas.
A chuva, quando supera os níveis normais, cria poças de água estagnada, que se tornam terrenos férteis para os mosquitos e outros insetos transmissores de doenças como a malária e a dengue.
O relatório fornece informações práticas aos governos, aos institutos sanitários, ambientais e meteorológicos dos países industrializados e em desenvolvimento, sobre como se adequar à vulnerabilidade, variabilidade e mudanças climáticas em níveis regional, nacional e local. (AP) (11/12/2003 Agência Fides; Linhas:21 Palavras:234)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network