http://www.fides.org

America

2003-12-05

AMÉRICA/ARGENTINA - O ARCEBISPO DE BUENOS AIRES ENTREGA O MANDATO MISSIONÁRIO A MAIS DE MIL MISSIONÁRIOS, QUE VÃO ANUNCIAR O EVANGELHO NAS PERIFERIAS DA CAPITAL E NAS ZONAS RURAIS

Buenos Aires(Agência Fides) – O Card. Jorge Mario Bergoglio, Arcebispo de Buenos Aires e primaz da Igreja na Argentina, no Sábado, 6 de dezembro, na Catedral Metropolitana, vai celebrar uma solene Missa para o envio missionário de cerca de 100 grupos missionários de Buenos Aires, em um total de mil pessoas. Os missionários irão anunciar o Evangelho nas extremas periferias da capital, onde é grande a miséria e a marginalização, nas zonas rurais mais distantes, e também nos próprios ambientes de vida ou de trabalho.
“Trata-se de um evento que se realiza todos os anos, desde 1989. A idéia é que os grupos missionários recebam o mandato do nosso Arcebispo, antes de partirem em missão. Visto que a maioria vai desempenhar a própria atividade missionária durante os meses de janeiro e fevereiro, a Missa de envio se celebra em dezembro”, explica Pablo Piccolini, Coordenador do Centro Arquidiocesano dos grupos missionários (CAGM) de Buenos Aires (Argentina) em comunicado de imprensa.
“Os grupos missionários constituem uma riqueza muito grande da Igreja argentina e têm algumas características peculiares. O número de membros de cada grupo missionário varia, e em geral são de 5 a 30 pessoas. Normalmente, a maior parte delas é leigo, acompanhados por um ou dois sacerdotes, e a idade varia de 15 a 35 anos. Alguns desses grupos são paroquiais, outros pertencem a escolas e outros ainda são animados por ordens religiosas”, prossegue Pablo Piccolini.
Alguns grupos missionários desempenham sua atividade missionária durante todo o ano, outros somente durante o verão, dedicando seus dias de férias. Eles trabalham em geral na zonas rurais e pobres do interior do país, distante da região urbana de Buenos Aires. Aqueles que se dedicam todo o ano, reservam os fins de semana para visitar favelas da periferia da zona metropolitana de Buenos Aires.
A Solene Celebração Eucarística do envio missionário – afirma o Coordenador do CAGM – é uma experiência muito positiva de comunhão entre os diversos grupos, e é um evento muito importante para a animação missionária da nossa Arquidiocese. Além disso, é uma ocasião em que todos os grupos podem ouvir a mensagem do seu Pastor”. (R.Z.) (Agência Fides 5/12/2003; Linhas 31; Palavras 394)

Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network